User Settings

  • Background
  • Fade speed
  • Music
  • Text size
Choose a backgound theme.
Choose the speed the daily prayer fades between stages.
Choose music to play during the daily prayer.
Choose the size of the text for your daily prayer.

Oração diária - 2019-05-22

Presença de Deus

O que em mim existe é o que me molda e me conduz...
Penso na presença de Deus, um Deus de amor, sempre ali, presente
Entre as muitas outras forças que me habitam e me seduzem.
Paro para rezar. Peço e deixo que seja Deus
A moldar-me e a conduzir-me neste preciso momento.

Liberdade

Peço a graça
de abstrair das minhas próprias preocupações
abrindo-me ao que Deus me está a pedir,
para me deixar guiar e formar pelo meu Criador.

Tomada de Consciência

Existo numa teia de relações - com a natureza, com os outros, com Deus.
Identifico os laços que me unem às coisas, aos outros e a Deus
e agradeço a vida que através deles continua e se renova.
Algumas destas relações estão distorcidas ou foram cortadas:
posso sentir arrependimento, fúria ou desilusão.
Peço o dom da aceitação e do perdão.

A Palavra de Deus

João 15, 1-8

«Eu sou a videira verdadeira e o meu Pai é o agricultor. Ele corta todo o ramo que não dá fruto em mim e poda o que dá fruto, para que dê mais fruto ainda. Vós já estais purificados pela palavra que vos tenho anunciado. Permanecei em mim, que Eu permaneço em vós. Tal como o ramo não pode dar fruto por si mesmo, mas só permanecendo na videira, assim também acontecerá convosco, se não permanecerdes em mim. Eu sou a videira; vós, os ramos. Quem permanece em mim e Eu nele, esse dá muito fruto, pois, sem mim, nada podeis fazer. Se alguém não permanece em mim, é lançado fora, como um ramo, e seca. Esses são apanhados e lançados ao fogo, e ardem. Se permanecerdes em mim e as minhas palavras permanecerem em vós, pedi o que quiserdes, e assim vos acontecerá. Nisto se manifesta a glória do meu Pai: em que deis muito fruto e vos comporteis como meus discípulos.»

Algumas pistas sobre a leitura de hoje

Active
Default
  • Reparo em quantas vezes aparece a palavra “permanecer” nesta leitura? Que me inspira?
  • Se somos os “Ramos” e o “tronco” é Jesus, como é que garanto a minha solidez a esse “tronco”, qual é a “seiva” que troco com Jesus.
  • Quando peco há um “corte” com Jesus. Quando me “afasto” sou um ramo sem vitalidade que não dá fruto.

Conversa

O que é que sinto quando rezo?
Sinto-me consolado(a), perturbado(a), indiferente?
Imagino Jesus aqui e agora, de pé ou sentado ao meu lado,
abro-lhe o coração e conto-lhe tudo.

Conclusão

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo,
Assim como era no princípio, agora e sempre.

Amen

Agradecemos o seu feedback acerca do site, sugestões de melhorias e comentários a respeito do significado pessoal da experiência de oração.

o site de oração criado pelos jesuítas irlandeses