User Settings

  • Background
  • Fade speed
  • Music
  • Text size
Choose a backgound theme.
Choose the speed the daily prayer fades between stages.
Choose music to play during the daily prayer.
Choose the size of the text for your daily prayer.

Mateus 12, 14-21

A Palavra de Deus

Naquele tempo, os fariseus faziam planos, para ver como haviam de dar cabo de Jesus. Quando Jesus teve conhecimento disso, afastou-se dali e muita gente o seguiu. Curou os enfermos e deu ordens para que não fizessem propaganda dele. Assim se cumpria o que Deus disse por meio do profeta Isaías: "Este é o meu servo, a quem eu escolhi, o meu predilecto, no qual tenho a maior satisfação. Porei nele o meu Espírito e ele anunciará a minha vontade aos povos. Não criará conflitos nem gritará, nem fará ouvir a sua voz nas ruas. Não quebrará a cana pisada, nem apagará o pavio que ainda fumega, até que a minha vontade vença. É nele que os povos hão-de pôr a sua esperança."

Mateus 12, 14-21
  • Algumas pistas sobre a leitura de hoje

    Active
    Default
    • Mas os fariseus saíram e conspiraram contra ele, como destruí-lo. A frieza dessas poucas palavras é realmente chocante, pois não há justificativa para esse desejo de destruir Jesus. No entanto, o coração humano pode ser surpreendentemente duro e infligir sofrimentos terríveis aos outros sem nenhuma razão real. Trago à minha oração todas as guerras que estão acontecendo no mundo e rezo por suas vítimas inocentes.
    • Leio, em estado de oração, a profecia de Isaías e percebo como ela se aplica a Jesus. Ele foi manso, nem mesmo quebrando a cana já machucada, mas forte, alcançando a vitória no final. Ele nos traz esperança curando nossos males. Eu fico com essas palavras em gratidão e admiração.
  • Algumas pistas sobre a leitura de hoje

    Inactive
    Default
    • A misericórdia de Deus também se manifesta na paciência: Ele espera por nós, dá-nos tempo para a conversão, mas não deixemos de pôr quanto antes a nossa confiança no Seu amor.
    • Deus com cinco pães e dois peixes alimenta uma multidão e com a nossa vela quase apagada ilumina a nossa vida e a dos que nos rodeiam. Acreditamos nisto? Vamos fazer silêncio junto da cruz e pedir a Jesus crucificado o Seu Espírito, para refazer a nossa vida cheia de imperfeições e infidelidades e poder, então, ressuscitar diariamente com Ele e dar também a nossa vida aos que encontramos no caminho.
  • Algumas pistas sobre a leitura de hoje

    Inactive
    Default
    • Jesus vive um estilo "anti-propaganda"
    • Nós temos, por vezes, tendência para enaltecer os nossos feitos e "puxamos a brasa à nossa sardinha".
    • Precisamos de "feedback" positivo dos outros, de elementos que robusteçam a nossa auto-estima, mas façamos, como Jesus, com que estes "rebuçados" sejam consequência natural (e não forçada) dos nossos actos, reflexos não trabalhados dos pequenos milagres que Deus faz em nós.
  • Algumas pistas sobre a leitura de hoje

    Inactive
    Default
    • Jesus é o servo no qual Deus coloca o seu espírito para que Este anuncie a Sua vontade.
    • A vontade de Deus é o amor anunciado sem “gritos”, como a Maria, com misericórdia e com esperança.
    • Jesus anunciou. Eu anuncio?
  • Algumas pistas sobre a leitura de hoje

    Inactive
    Default
    • Oiço estas palavras de Deus. Será que me sei fazer igual a este filho predilecto?
    • Jesus actua de uma forma discreta, não quer ser "manchete", quer antes reforçar o elo individual com aqueles que dEle se aproximam. Penso nisto!
    • Onde deposito eu a minha esperança? Será que sei distinguir a subtileza das mensagens do Senhor?
    • Ajuda-me, Senhor, a pôr em Ti a minha esperança e perdoa-me as muitas vezes em que arranjo outras esperanças vãs e baratas e as ponho no Teu lugar. Obrigada por esperares por mim todos os dias.
    • Maria, tu que nunca criaste conflitos, nem gritaste, nem fizeste ouvir a tua voz nas ruas, acompanha-me e guia-me para que eu aprenda a tua fecunda mansidão.
  • Algumas pistas sobre a leitura de hoje

    Inactive
    Default
    • Jesus é o profeta do silêncio. Embora tenha falado com eloquência os seus gestos foram seguramente aquilo que mais surpreendeu quem viveu e quem vive à luz do seu exemplo.
    • Jesus Não quis o confronto do escândalo. Apesar de saber que a sua doutrina entrava em ruptura, quis ser discreto, não foi irresponsável nem deixou avolumar discórdia pela discórdia.
    • Quem sou eu, à luz deste Cristo?
  • Algumas pistas sobre a leitura de hoje

    Active
    Default
    • Jesus curou a todos, porque veio para Salvar todos. Mas Jesus relaciona-se com cada um em particular, sobretudo na oração. Vou dar mais tempo a Deus para Lhe dar mais oportunidades de me curar.
    • Jesus não veio para condenar, mas para nos dar a oportunidade de completar o caminho que ainda não está feito e de restaurar a nossa vida. Vamos deixar repousar sobre nós o Seu Espírito para que Ele nos fortaleça!
    • Temos esperança no Seu nome, no Seu amor, em todas as situações da nossa vida? Ou só recorremos a Deus quando precisamos, esquecendo-nos de agradecer os dons que continuamente nos dá?

o site de oração criado pelos jesuítas irlandeses